• Leia mais notícias de ESPORTES
Chapecoense vence de virada o Atlético-PR e deixa o Z-4
Adicionada: 14/09/2018
 



 A partida atrasada 20ª rodada permitiu ao Verdão ir aos 25 pontos e ultrapassar de uma só vez Ceará, Sport e Vasco, ficando na 16ª colocação



Com um gol de Leandro Pereira aos 42 minutos do segundo tempo, a Chapecoense venceu o Atlético-PR,  de virada, por 2 a 1, na noite desta quinta-feira (13), e saiu da zona de rebaixamento no Campeonato Brasileiro. A partida atrasada 20ª rodada permitiu ao Verdão ir aos 25 pontos e ultrapassar de uma só vez Ceará, Sport e Vasco, ficando na 16ª colocação. Agora a missão é tentar uma vitória diante do líder Internacional, na segunda-feira (17), às 20h, também na Arena Condá.

 

Com a bola rolando, a primeira finalização foi só aos 13 minutos, com Raphael Veiga. Ele recebeu no lado direito e chutou para defesa de Jandrei. A Chape respondeu com Victor Andrade, num chute da meia lua da área, para fora. Depois, o atacante teve outra chance em cruzamento de Diego Torres, mas mandou por cima. Ele ainda arriscou duas vezes de fora da área, mas errou em ambas.

 

A Chapecoense voltou do intervalo pressionando. Com menos de um minuto, Victor Andrade bateu para o gol, mas novamente a bola subiu demais. Depois, foi a vez de Leandro Pereira desviar de cabeça no cruzamento de Eduardo. Ele também falhou na tentativa.

 

Quando foi ao ataque, o time visitante abriu o placar. Renan Lodi cruzou da esquerda e Pablo, de cabeça, mandou para o fundo da rede: 1 a 0, aos 15 minutos. O Furacão quase ampliou no minuto seguinte. Rony chutou e Jandrei fez boa defesa.

 

Guto Ferreira colocou Canteros e Bruno Silva nos lugares de Márcio Araújo e Doffo para tentar mudar o placar. No primeiro escanteio cobrado pelo meia, o o atacante Leandro Pereira cabeceou por cima do gol. No ataque seguinte, a bola sobrou para Diego Torres e ele também errou. 

 

De tanto insistir, o Verdão chegou ao gol. Aos 32, Bruno Silva bateu cruzado, a bola desviou em Bruno Guimarães e foi para dentro do gol: 1 a 1. O empate animou o time da casa que, em outra boa jogada do jovem atacante, chegou à virada com Leandro Pereira, aos 42. Foi o tento do alívio. Ao final da partida jogadores se abraçaram e até se ajoelharam.



Fonte: Diário Catarinense | Foto: Estadão Conteúdo
 

Versão para impressãoVersão para impressão
 


-----...*As opiniões expressas nos comentários não condizem, necessariamente, com a opinião do grupo editorial do "Portal TiviNet" e estes são de responsabilidade de seus idealizadores.