• Leia mais notícias de ECONOMIA
Bolsonaro assina decreto que define salário mínimo de R$ 998 em 2019
Adicionada: 02/01/2019
 



Valor é R$ 8 inferior ao aprovado pelo Congresso Nacional na Lei Orçamentária Anual 



O presidente Jair Bolsonaro assinou o decreto que define o salário mínimo de 2018 em R$ 998. A medida foi publicada no Diário Oficial da União no final da tarde desta terça-feira (1º). 

 

O valor é R$ 8 abaixo do que foi definido pelo Congresso Nacional quando aprovado o Orçamento da União, no dia 19 de dezembro — na ocasião, deputados e senadores colocaram o valor dos vencimentos mínimos em R$ 1.006.

 

O decreto também coloca os valores diários do salário mínimo (R$ 33,27) e horários (R$ 4,54). O salário mínimo é usado como referência para os benefícios assistenciais e previdenciários. Bolsonaro tem até o dia 15 de abril para decidir se mantém a regra ou se muda. 

 

Pela regra atual, o mínimo deve ser corrigido pela inflação do ano anterior, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) mais a variação do Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens e dos serviços produzidos no país) dos dois anos anteriores. 

 

Os ministérios da Fazenda e do Planejamento informaram que o valor do mínimo foi revisado para cima porque a estimativa de inflação pelo INPC em 2018 passou de 3,3% para 4,2%. O INPC mede a variação de preços das famílias mais pobres, com renda mensal de um a cinco salários mínimos. Alguns Estados, como Rio de Janeiro e São Paulo, têm valores diferenciados para o salário mínimo, acima do piso nacional.



Fonte: Gaúcha ZH | Foto: AFP
 

Versão para impressãoVersão para impressão
 


-----...*As opiniões expressas nos comentários não condizem, necessariamente, com a opinião do grupo editorial do "Portal TiviNet" e estes são de responsabilidade de seus idealizadores.